30 abril 2011

..

Eu queria poder descobrir qual a melhor forma de socializarmos. Descobrir quais são as qualidades que você deseja encontrar na pessoa que quer ao seu lado.

Queria ser a sua pessoa.

A sua felicidade, hoje, é a minha maior motivação. Ver-te feliz faz com que a minha alegria floresça novamente, porém de uma forma menos satisfatória. É uma felicidade oca, fosca, apagada. Seria boa se você estivesse aqui.
Entretanto, entendo os rumos da vida. Se você encontrou seu caminho e, por algum motivo, ele seja divergente do meu, poderá seguir. Nele, você encontrará novas pessoas e nelas, novas alegrias. É um ciclo. Maldito ciclo.
Mas entenda também, eu sou uma aprendiz. Não sei tudo ainda. Se o certo é deixar você partir, pois bem, deixarei. Assim como deixei há algum tempo, sem sequer notar...
A sua partida pela porta dos fundos aconteceu. Já faz um tempo, não sei exatamente quanto. Mas a sensação é que se passaram muitos anos dentro de mim.
Não tema mais. Amanhã é um outro dia, um novo dia. Aprendi que o silêncio é a melhor (e mais perigosa) resposta, pois uma frase quando mau interpretada, faz com que as conquistas escorram pelos dedos feito água.
Às vezes duvido da própria vida e sua existência, mas basta olhar para os raios de sol que agora atravessam as pequenas folhas na árvore para sentir o dia nascer. O novo dia.

Voltar à realidade é mais complicado que entrar no sonho não planejado.

Fotos e palavras ao chão sem nenhuma credibilidade. Tudo isso sem razão, acredito. Por que perdemos tempo vivendo algo que, brevemente, duraria? Estávamos em transe.
De qualquer maneira, lembre-se: eu nunca - repito o maior clichê de todos - nunca abandono meus sonhos. Você é um deles.

2 comentários:

  1. Eu já me senti assim. Mas foi tão difícil aceitar...

    ResponderExcluir
  2. Raras são as vezes em que aceitamos sem hesitar...

    ResponderExcluir